quarta-feira, 17 de outubro de 2018

Por iniciativa do Vereador Júnior de Todos, Câmara de Jacobina emite Moção de Repudio diante do assassinato do Mestre Moa do Katendê


O Vereador Júnior de Todos apresentou ontem (16) na Sessão da Câmara dos Vereadores de Jacobina/BA Moção de Repudio diante do assassinato do Mestre Moa do Katendê ocorrido em Salvador, na madrugada de oito de outubro de 2018. 
Mestre Moa do Katendê foi morto a facadas, vítima de violência por motivação política. O ato reflete o momento preocupante de descaso ético que está sendo instaurado neste momento no Brasil, fruto de discurso de ódio e intolerância.
A moção de repúdio 01/2018 da autoria do Vereador Júnior de Todos foi aprovado e abaixo-assinado por todos os demais Edis presentes na sessão. O documento conclui com as seguintes palavras: 

"A Câmara de Vereadores de Jacobina solidariza-se com os familiares de Mestre Moa do Katendê e repudia veementemente o ato ocorrido, fruto de um discurso de ódio e intolerância, renovando seu compromisso com os valores da paz, liberdade e democracia."


Mestre Moa do Katendê
Romualdo Rosário da Costa, mais conhecido como Mestre Moa do Katendê, nasceu em 1954 em Salvador e criou-se na comunidade Dique Pequeno. Moa foi um dos pais da Associação Brasileira de Capoeira Angola, que fica no Pelourinho, Centro Histórico da capital baiana, espaço que ajudou a preservar o movimento capoeirista. Moa também foi um dos fundadores do grupo Afoxé Badauê, que marcou a história do carnaval baiano na década de 1970, e do grupo de afoxé Amigos do Katendê, que desenvolve trabalhos em diferentes regiões do Brasil e do mundo.
O corpo do mestre de capoeira Romualdo Rosário da Costa, o Moa do Katendê, foi sepultado nesta segunda-feira na Ordem Terceira de São Francisco na Baixa de Quintas em Salvador, na ocasião que recebeu homenagem de vários celebridades, a exemplo dos cantores Caetano Veloso e Daniela Mercury.

"Capoeira é tudo que move. É uma cultura rica, uma cultura dos ancestrais que eu procuro, sempre que posso, cultuar, zelar, transmitir conhecimentos" – Mestre Moa do Katendê, 1954-2018.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Av. João Fraga Brandão, 125, Peru, Jacobina/BA.
CNPJ: 13.228.077/0001-65

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Total de visualizações (+32.261)

Receba novidades por e-mail!

Entre em nosso Grupo no Whatsapp